Contracapa
Dê uma olhada

(In)sustentabilidade urbana

Uma proposta de sustentabilidade urbana focada no enfrentamento das causas da insustentabilidade, esse é o enfoque desta obra. Aborda o risco que representa a favelização para a qualidade de vida das cidades contemporâneas. Aborda-o, no entanto, sob uma nova perspectiva. Não como um fato isolado, mas, sim, como a resultante de um processo urbanístico no qual se encontram interligados fatores que estão muito além das formas ou da construção arquitetônica deste aglomerado denominado favela. Denuncia ao longo do texto a necessidade urgente que as cidades têm de focar as suas perspectivas, os seus projetos, os seus cuidados na sua “humanidade”, se quiserem livrar-se das situações de caos urbano. O autor aponta os fatos, coloca o “dedo na ferida” para mostrar que é possível com vontade e honestidade redesenhar o espaço urbano e criar novas condições de equilíbrio a partir de uma proposta que tenha seu olhar centrado no ser humano, considerando suas necessidades e suas diferenças como variáveis a serem respeitadas em um processo de inclusão não subordinante que congregue “domínios culturais” diversificados. Um livro indicado para quem queira conhecer uma abordagem cidadã do desenho urbano.

Uma proposta de sustentabilidade urbana focada no enfrentamento das causas da insustentabilidade, esse é o enfoque desta obra. Aborda o risco que representa a favelização para a qualidade de vida das cidades contemporâneas. Aborda-o, no entanto, sob uma nova perspectiva. Não como um fato isolado, mas, sim, como a resultante de um processo urbanístico no qual se encontram interligados fatores que estão muito além das formas ou da construção arquitetônica deste aglomerado denominado favela. Denuncia ao longo do texto a necessidade urgente que as cidades têm de focar as suas perspectivas, os seus projetos, os seus cuidados na sua “humanidade”, se quiserem livrar-se das situações de caos urbano. O autor aponta os fatos, coloca o “dedo na ferida” para mostrar que é possível com vontade e honestidade redesenhar o espaço urbano e criar novas condições de equilíbrio a partir de uma proposta que tenha seu olhar centrado no ser humano, considerando suas necessidades e suas diferenças como variáveis a serem respeitadas em um processo de inclusão não subordinante que congregue “domínios culturais” diversificados. Um livro indicado para quem queira conhecer uma abordagem cidadã do desenho urbano.

Peso 0.177 kg
Dimensões 0.8 × 14.3 × 21 cm
ISBN

9788582121351

Data de publicação

2012

Número de Páginas

140

Encadernação

Brochura (paperback)

Edição

1

Idioma

Português

Autor(es)

Carlos Domingos Nigro

Editora

Editora Intersaberes

Séries

Série Gestão Pública

Reviews

Não há comentários ainda.

Somente clientes logados que compraram este produto podem deixar um comentário.